Ratinho Escorraça Carreira Ao Defender Ditadura E É Ameaçado De Prisão Por Opiniões Polêmicas

Ratinho pode ir parar atrás das grades após defender ditadura, fim dos moradores de rua e compartilhar opiniões polêmicas em entrevista

Ratinho Escorraça Carreira Ao Defender Ditadura E É Ameaçado De Prisão Por Opiniões Polêmicas

Após fracassar parceria com Eduardo Costa, sofrer prejuízo milionário e ter decadência grotesca de audiência, o apresentador Carlos Massa, mais conhecido como Ratinho, gerou revolta na internet ao defender a ditadura e foi ameaçado até de prisão.

Em uma entrevista nesta semana, Ratinho gerou revolta ao defender a intervenção militar no Brasil e a extinção dos moradores de rua: “Eu sei que o que vou falar aqui pode até chocar, mas está na hora de fazer igual fez em Singapura. Entrou um general, consertou o país e, um ano depois, fez eleições. Mas primeiro concertou, chamou todos denunciados e disse: ‘vocês têm 24 horas para deixar o país ou serão fuzilados’. Limpou Singapura”, disparou.

“Do que as pessoas tinham medo? Morador de rua. Ele tirou todos os moradores de rua e deu um lugar para os caras se virarem. Ele limpou tudo e a imprensa ficou a favor dele. Aqui, se mexer com morador de rua, a imprensa cai em cima do político”, continuou Ratinho, destilando agressividade.

O comentário de Ratinho gerou revolta em políticos e chegou até o vereador Eduardo Suplicy, de São Paulo, que pediu a prisão de Ratinho por tais atrocidades: “Por suas declarações em favor da Ditadura Militar, Ratinho está a merecer punição semelhante à do deputado Daniel Silveira (PSL). Por 11×0 o STF decidiu que ele deve estar preso”.

  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
Comentários
Publicidade
Publicidade

Veja também

\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\
Esse site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar o acesso, você concorda com nossa Política de Privacidade. Para mais informações clique aqui.